365 Days 2019

Parece que está de volta a montagem das fotografias da semana no dia correcto. Vamos lá ver se é de vez… Neste semana voltei a fazer um misto de fotografias bastante antigas e de outras mais recentes, algumas até do próprio dia. Desde um passeio à praia da Foz do Lizandro, num dia de sol e vento; passando por uma loja de vinhos no centro da vila de Sintra, com o nome bastante sugestivo; continuando pela enorme, suculenta e muito saborosa costeleta que comi em Abrantes, no Dom Papito; seguida de uma fotografia do final do jogo do Benfica no último jogo da Liga Europa no Estádio da Luz; passando depois pela fotografia do trabalho “feito” pelo meu herdeiro para entregar à mãe, no Dia Internacional da Mulher (tenho que arranjar uma caixa para começar a guardar todos os trabalhos que ele tem “realizado”); e por fim duas fotografias da zona do Beato/Xabrégas em Lisboa, onde aproveitei para ir tirando algumas fotografias pelo que ia passando. Possivelmente haverá mais fotografias deste passeio nos próximos dias.

Colagem 11_2019

Hoje fez 10 meses que o meu herdeiro nasceu, por isso amanhã ou na terça haverá uma nova carta para o meu filho, para um dia mais tarde ele saber como tem sido a vida dele desde o seu início.

365 Days 2019

Isto já começa a parecer um “habitué“, mas a verdade é que não é de propósito que o post da montagem da semana vem com atraso. Como sabem, ou deviam saber, na sexta passada foi o dia do meu aniversário e de mais algumas pessoas, sendo uma delas o meu pai e a outra um bebé muito querido que é filho de um amigo meu. Este texto todo para dizer que o fim-de-semana foi de festas e que culminou com o segundo aniversário deste bebé. Estas festas fizeram que o domingo fosse muito comprido e como tal não houve nada para ninguém aqui no blog… Mas vamos ao que interessa.
Na semana passada as fotografias foram muito à base de fotografias tiradas durante a própria semana. Desde uma máscara de Carnaval do meu herdeiro e outra dele no ovo dele; passando pelo nova zona de Sete Rios, junto ao Jardim Zoológico de Lisboa; continuando nas novas bicicletas da Uber, as Jump (para os interessados, eles estão a oferecer alguns minutos grátis nas primeiras utilizações); e terminando em três fotografias de diferentes secções do mesmo avião da TAP Air Portugal. Neste caso é o CS-TJM, um dos novos aviões que chegou à companhia aérea nacional. É um prazer poder trabalhar tão de perto com aviões.

Colagem 10_2019

Vamos lá ver se na próxima semana o post já na altura certa, para que todas as 4 pessoas que passam por aqui possam “dormir” mais descansadas.

365 Days 2019

Apesar do atraso, muito devido ao fim-de-semana de Carnaval, aqui fica a montagem de todas fotografias colocadas no Instagram na semana passada. Uma semana onde fui buscar algumas fotografias para relembrar a minha última viagem aos Açores, mas concretamente a Sete Cidades; e também para relembrar a árvore de Natal que todos os anos é colocada no Terreiro do Paço. Mas também aproveitei para mostrar a minha paixão pela amiga, namorada, esposa e mãe do nosso herdeiro, durante uma ida ao Freeport, onde encontramos o “Love Corner”.  Por fim deixei também duas fotografias do Parque Oeste, na  zona da Alta de Lisboa, onde num passeio de fim de tarde deu para experimentar algumas fotografias na hora do sunset.

Colagem 09_2019

Muito em breve vão chegar 36 primaveras. Pode ser que venha cá deixar qualquer coisa escrita.

365 Days 2019

Desta vez a montagem de fotografias da semana vem com um dia de atraso. Mas é o que dá quando temos um fim-de-semana de sol e bons convites, que faz com que não se queira que o fim-de-semana termine.
Na semana que passou fui buscar algumas fotografias ao baú do tempo e mostrá-las ao mundo… Desde fotografias do autocarro dos Campeões da Europa em 2016; passando por um pôr-do-sol em Tomar; e terminando numa fotografia de uma loja em Roterdão com um nome bem especial. Para além destas fotografias antigas coloquei algumas bem recentes, como do meu herdeiro a ler um livro sobre alimentação; ou de um parque na zona da Alta de Lisboa num final de tarde bastante agradável; e de duas fotografias do renovado Freeport Lisboa Fashion Outlet em Alcochete.

Colagem 08_2019

Aproveito para agradecer às inúmeras 4 pessoas que volta e meia passam por este blog para ler o que vou por aqui escrevendo.

Letters to my son

Tantos meses de vida fora da barriga da mãe como dentro da barriga. Um início com mais uma visita aos amigos e família do Sardoal. Estás cada vez mais comunicativo com todos e mais desperto para tudo o que te rodeia. Os teus olhos a brilhar sempre que surge comida no teu raio de acção. Os bracinhos a dar a dar e o movimento que começas a preparar para te chegares o mais depressa possível até à comida. Tens que pedir os vídeos porque nem contado, só mesmo visto. Por vezes até os pais ficam com vergonha porque parece que não comes há 15 dias.
E a primeira vez que andaste de baloiço. Um passeio depois de almoço a um jardim com um baloiço mesmo à tua medida. Não sei se gostaste, mas não choraste. Ainda deu para a mãe andar a experimentar fotografias aos saltinhos. Nesses dias também nos presenteaste com as primeiras birrinhas para dormir, mas nada que a paciência do pai e da mãe não chegasse. E a primeira vez em que não quiseste vir com o pai para casa da creche. Por duas vezes que estiveste no colo do pai e foste para o colo da educadora. O pai desculpa-te porque tinha acabado de cortar o cabelo e a barba ao mesmo tempo e tu estranhaste tantas mudanças.
Nova viagem ao Sardoal para um fim-de-semana de aniversário da “tia”, num dos primeiros fins-de-semana em que ficaste com a “avó” em casa enquanto os pais saíram à noite. O pior foi acordar de manhã, quando tu quiseste brincar bastante cedo e tanto o pai como a mãe ainda estavam ensonados. Mas o teu sorriso malandro e as tuas gargalhadas bem audíveis vencem qualquer sono que ainda possa existir e a brincadeira contagia qualquer pessoa.
Este mês, devido ao sol que foi aparecendo, foi altura das brincadeiras no chão da sala. O teu gatinhar, ainda a arrastar, começa a ser tão rápido que já não podemos deixar-te sozinho a brincar. E a tua veia de explorador está a vir ao cima e não há recanto nenhum que tu não vás inspeccionar para descobrir algo novo. Mas o mais engraçado são as gargalhadas que tu dás quando estás ao colo ou no chão em frente ao vidro da janela da sala. Curioso como só tu és, a cuscar tudo o que se passa na rua, sempre com um sorriso no rosto e uns olhos a brilhar. A imaginares todo o mundo que tens para explorar e que vai ser teu daqui a uns tempos, muito mais depressa do que o pai e sobretudo a mãe gostariam.
Quase no fim a visita da avó para passar uns dias contigo, para matar saudades e para te dar um colo que tu tanto gostas. Mas acima de tudo para aprenderes novas formas de brincares e de te educares. E também para a avó ter o prazer de te dar o jantar, que já tem direito a sopa e prato principal e que com os teus 4 quase 7 dentinhos “trituram” tudo o que vai na colher que é levada à tua boca.
A vida vai seguindo o seu caminho e tu estás cada vez maior, mais desperto para o que te rodeia e cheio de pinta. Também se nota bem o feitio que tu tens e as dores de cabeça que vais dar ao teu pai e à tua mãe. Mas cá estaremos para te ver a crescer e a tornares-te um homem com H grande.

Você é jovem, meu filho, e, com o passar dos anos, o tempo vai mudar e até mesmo reverter muitas das suas opiniões presentes. Abstenha-se, portanto, um tempo de configurar-se como um juiz dos maiores assuntos.” by Platão